HPV e Pediatria

A contaminação da criança pelo HPV pode ocorrer por:

• Transmissão maternofetal: durante a gestação (transplacentária), durante o trabalho de parto e por aspiração do líquido amniótico (liquido que envolve e protege a criança durante a gravidez),
• Heteroinoculação; fômites ( objetos de uso pessoal como toalhas, sabonete, roupas íntimas, etc.), cuidadores e abuso sexual,
• Autoinoculação (o próprio individuo contaminado contamina outras regiões do seu corpo ao coçar, ao tocar, etc).

Contaminação Durante o Parto

Amostras da região da boca de crianças recém nascidas, filhas de mães contaminadas , apresentam alto índice de DNA do HPV, porém dias após o nascimento, esse índices caem significativamente.

Abuso Sexual

É a foram mais freqüente de contaminação infantil.
Temos alguns fatores associados como que sugerem violência sexual como:

Meninos

• Contusão anal
• Laceração anal
• Cicatrizes anais
• Espessamento da pele do ânus
• Relaxamento do esfíncter anal
• Presença de sêmem.

Meninas

• Laceração do hímem
• Abertura do hímem > 1cm
• Alteração do hímem
• Ausência do hímem
• Roturas da fúrcula
• Cicatrizes da fúrcula
• Contusão genital
• Contusão anal
• Laceração anal
• Cicatrizes anais
• Espessamento da pele do ânus
• Presença de sêmem.